Crise nas criptomoedas faz despencar o valor de Fan Tokens do futebol brasileiro

Descubra tudo sobre a crise nas criptomoedas ter feito despencar o valor de Fan Tokens do futebol brasileiro!

Se tem uma coisa que tem preocupado, e muito, os brasileiros é o mercado de criptomoedas, pois nos últimos meses presenciamos um caimento significativo nesse setor, preocupando os investidores com uma possível perda de dinheiro.

Um dos mercados que apresentou um grande decaimento são os Fan Tokens e a situação é tão complicada que está, até mesmo, gerando dúvidas sobre o futuro da criptomoeda. Vem entender mais sobre o que está acontecendo.

O que são Fan Tokens?

16454535661176

O Fan Token é um Utility Token que está ligado ao segmento dos esportes. Assim, ele é um tipo de moeda usado em plataformas como a Sócios.com que oferece acesso a conteúdos especiais, como se fosse um programa de sócio torcedor. Nessa plataforma, o nome oficial da moeda é chiliz (CHZ).

Publicidade

Esses tokens se tornaram uma excelente forma de engajar os torcedores com o seu time do coração de uma forma muito mais barata e acessível, visto que você consegue participação ativa nas configurações do clube de futebol, como design de produtos, participação em enquetes, sorteios de prêmios, entre outras. 

Em maio deste ano, alguns tokens de clubes brasileiros atingiram o menor valor desde o seu lançamento, chegando a preços inferiores ao seu inicial e, por conta disso, o futuro dessa criptomoeda está, cada vez mais, em jogo.

Criamos uma tabela comparativa com os valores iniciais e os maiores valores já vistos para os Fan Tokens dos principais clubes brasileiros:

Clube Preço de lançamentoMenor preçoMaior preço
Santos US$ 2,50US$ 1,30 (12/05)US$ 21,84 (01/12)
FlamengoUS$ 2,00US$ 0,21 (12/05)US$ 3,94 (10/11)
Atlético-MGUS$ 2,00US$ 0,21 (12/05)US$ 2,88 (05/11)
Corinthians US$ 2,00US$ 0,21 (12/05)US$ 3,81 (16/09)

Infelizmente, por conta dessa grande queda, outros clubes que já haviam fechado contrato com a Sócios.com tiveram que recuar, para não acabar perdendo dinheiro. Segundo informações, quando a situação estabilizar, novos clubes devem ser lançados. 

Mais sobre os investimentos em criptomoedas

Por conta da queda dos últimos dias, o Globo Esporte acabou gravando uma matéria com o professor de finanças Ricardo Rocha, que deu uma verdadeira aula sobre a situação das criptomoedas.

A realidade é que o investimento ainda é válido, mas ele deve ser pensado a longo prazo e não para um rendimento nos próximos meses, por conta do cenário econômico mundial, que se encontra extremamente instável.

Dessa forma, quem tem investimentos está migrando para os mais seguros e menos voláteis, como é o caso das moedas tradicionais. Segundo Ricardo, um dos fatores que mais está impactando na queda das criptomoedas é a guerra na Ucrânia, que teve início em fevereiro deste ano. 

Com o final do conflito, as commodities devem apresentar uma queda nos preços, a inflação tende a recuar e, por consequência, os juros também. Após isso, os ativos de maior risco voltarão a ser interessantes para o investimento. 

Procurando cartão…